→ Pensando sobre Carreira

O que tem de errado no meu comportamento?

Pesquisa do IEL (2011) revela que 80% dos desligamentos dos jovens brasileiros ocorrem por problemas de comportamento.

Apesar de considerar os jovens como criativos, flexíveis e inovadores, a fama não é nada boa. Para as corporações, estes são rebeldes, tomam atitudes inadequadas e apresentam baixos índices de desempenho.Inseridos em um mercado onde o crescimento rápido é uma condição de sucesso, os jovens pensam em crescer rápido, mesmo no início da carreira. Avessos à burocracia e à hierarquia, preferem não se sujeitar às tarefas subalternas. De acordo com a pesquisa, 30% dos jovens brasileiros contratados são demitidos devido à falta de respeito às regras da instituição. O conflito entre os mais experientes e os jovens é eminente. É um choque de gerações. Os mais velhos preferem seguir um padrão e não se conformam de os novos profissionais ficarem fora do antigo modelo de trabalho”, diz Ricardo Romeiro, Gerente de Estágio e Desenvolvimento do IEL Nacional.Demitir não é a solução, até porque a contratação do jovem é inevitável. O jeito é “(…) a empresa se adaptar à nova geração. É responsabilidade da empresa ensinar aos mais novos os conceitos da vida profissional, mas sempre respeitando a personalidade”, explica o diretor da WebSoftware, Erick Vils.Segundo a mesma pesquisa, os jovens devem amadurecer, mas também deve existir compreensão por parte das empresas, que não aceitam o lado agitado dos jovens, cobrando mais concentração, o que gera frustração e desmotivação de ambas as partes.Tayse Espinoza – colaboradora voluntária no Blog Empreende Floripa
Tayse é uma jovem empreendedora, de 24 anos, que desenvolve trabalhos sobre empreendedorismo, carreira e startups. Atualmente é mestranda em Administração na ESAG/UDESC e já trabalha com geração e gestão de negócios há 10 anos, atuando em empresas de diversos portes e segmentos de atuação. Complementando as atividades profissionais, ela escreve um blog sobre Geração Y, e colaborou na equipe 2011 da Semana Global de Empreendedorismo em Florianópolis. Tayse é formada em Administração de Empresas pela ESAG/UDESC e foi vencedora do I Concurso Estadual de Planos de Negócio para Universitários do SEBRAE/SC. Conhecedora da realidade das startups, esteve no Vale do Silício em 2009 e visitou empresas como: Google, Apple e Wikimedia.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O que tem de errado no meu comportamento?

  1. Com 14 anos a Tayse já trabalhava com geração e gestão de negócios? Que garota precoce não? Ou será um erro no texto?

    • Olá,
      Este dado foi informado pela autora do post.
      Acredito que o pai dela sempre teve empresas, então cresceu em um ambiente de negócios na família.
      Porém somente ela poderia esclarecer sua dúvida.

      Abraços,
      Viviany

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s